BAHIA, GERAL

Decreto que proíbe aulas presenciais na Bahia é prorrogado até 14 de março

O Governo do Estado decidiu prorrogar o decreto que suspende as aulas presenciais nas unidades de ensino das redes pública e privada em toda a Bahia. O decreto nº 19.586, que venceria no próximo domingo (28), passa a valer até 14 de março de 2021. A prorrogação será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (27). 

O decreto também suspende as atividades de recadastramento de servidores inativos e pensionistas que fazem aniversário nos meses de janeiro, fevereiro e março. A suspensão do recadastramento tem como principal objetivo preservar idosos e pessoas em grupos de risco, mais vulneráveis ao novo coronavírus, evitando o deslocamento a uma unidade da Rede SAC para validar seus dados cadastrais junto à Previdência Estadual.

LEIA MAIS

Padrão
ALAGOAS, GERAL

Aulas na rede estadual de Alagoas começam em 10 de março em formato remoto

O ano letivo 2021 vai começar em 10 de março em formato remoto na rede estadual de ensino. O anúncio foi feito em portaria publicada no Diário Oficial do Estado da última sexta-feira (26/02).

De acordo com a Portaria 3019/2021, artigo 2º, fica estabelecido, inicialmente, o modelo organizacional de ensino remoto, podendo, gradativamente, avançar para o ensino híbrido e presencial, caso o cenário da COVID-19 em Alagoas apresente um diagnóstico favorável, baseado nas avaliações das autoridades sanitárias. No ensino remoto, as atividades podem ser realizadas com ou sem a mediação tecnológica, com a entrega de conteúdo impresso para os estudantes sem acesso a internet.

O centenário de Paulo Freire, Patrono da Educação Brasileira (título estabelecido pela Lei 12.612 de abril de 2012), será o tema norteador do ano letivo 2021. As atividades acontecerão por meio de laboratórios de aprendizagem – onde os professores trabalham de forma interdisciplinar, integrando várias disciplinas – e roteiros de estudos – com instruções para o trabalho quinzenal dos estudantes – para as turmas do 1º ano do ensino fundamental até a 2ª série do ensino médio. Já as turmas da 3ª série do ensino médio participarão do Foca no Enem, onde terão apoio para se prepararem para a edição 2021 do exame de acesso ao Ensino Superior.

LEIA MAIS

Padrão
BAHIA, GERAL

Governo da Bahia anuncia início do ano letivo na rede estadual de ensino

O início do ano letivo 2020/2021 na rede estadual de ensino está programado para o próximo dia 15 de março, de forma 100% remota. O planejamento foi anunciado pelo governador Rui Costa e pelo secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues, durante o Papo Correria desta terça-feira (23). A volta do ensino no modo presencial não tem data prevista e está condicionada aos parâmetros sanitários relacionados à Covid 19 no estado.

O governador destacou que o início das aulas com atividades remotas irá contemplar todos os alunos da rede estadual. “Adotamos uma estratégia que irá atender a todos os alunos da rede estadual. Desde o início da pandemia, eu afirmei que não iria aceitar uma solução que alcançasse um número pequeno de alunos. Temos muitos estudantes que moram na zona rural e que não têm sequer sinal de celular. Por isso, estamos implementando esse início remoto das aulas, que não se trata de aula virtual por entender que não contemplaria os alunos que não têm sinal de telefone ou banda larga”, afirmou Rui.

LEIA MAIS

Padrão
ACRE, GERAL

Estudantes da Educação no Campo devem ficar atentos ao retorno das atividades do ano letivo de 2020 no Acre

Diante das adversidades de um ano atípico, o governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE),  tem se empenhado para garantir a continuidade do ensino aos alunos da rede pública, sobretudo na modalidade de Educação no Campo, que, além dos desafios da pandemia, enfrentam a incidência do período chuvoso na região, ocasionado pelo inverno amazônico.

A equipe de gestão, do ensino e de logística do Departamento da Educação do Campo tem desenvolvido estratégias pedagógicas para contemplar os 38.778 estudantes das regiões rurais. Tendo em vista os desafios do acesso as unidades do campo, a comunidade escolar adapta as resoluções de ensino em um formato específico, dentro das condições de cada aluno.

Devido ao aumento de casos de Covid-19 no Estado, a Educação, seguindo as medidas sanitárias estabelecidas pelo novo decreto estadual, retornou às atividades de ensino de forma não presencial, para o encerramento do ano letivo de 2020, na última segunda-feira, dia 8, que será concluído em março.

LEIA MAIS

Padrão
GERAL, SANTA CATARINA

Rede estadual de Santa Catarina inicia o ano letivo de 2021 nas 1063 escolas nesta quinta-feira (18)

O dia 18 de fevereiro de 2021 marca o início do ano letivo nas 1063 unidades escolares da  rede estadual de ensino e o retorno de milhares de alunos para as salas de aula. As regras de convívio para prevenção da Covid-19 foram estabelecidas ao longo dos últimos cinco meses e a Secretaria de Estado da Educação (SED) desenvolveu três modelos para atender os 527 mil alunos que estão matriculados: 100% presencial, misto e 100% remoto.

“Estamos garantindo uma retomada presencial segura, baseada em três pilares: estrutura física, de pessoal e equipamentos de proteção individual. Se em alguma escola essas três condições não forem atendidas, naquela unidade o retorno será realizado inicialmente no modelo remoto”, explicou o secretário de Estado da Educação, Luiz Fernando Vampiro.

Serão 82% dos alunos da rede estadual que retornam de forma presencial nas escolas. A maioria terá aulas no modelo misto, com alternância dos grupos que frequentam a sala de aula. Enquanto um grupo frequenta o “Tempo Escola”, o outro estará no “Tempo Casa” e se alternam na semana seguinte. No Tempo Casa, os alunos farão as tarefas de casa passadas pelos professores no Tempo Escola, que poderão ser feitas na plataforma Google Sala de Aula ou por meio de materiais impressos.

LEIA MAIS 

Padrão
GERAL, PIAUÍ

Escola do Piauí amplia número de matrículas durante a pandemia

O Centro Estadual de Tempo Integral (CETI) Pedro Mendes Pessoa, 18ª GRE, é um bom exemplo de como as escolas da rede estadual do Piauí têm conseguido se reinventar, mesmo em um contexto tão adverso provocado pela pandemia de Covid-19. A escola, que tem cerca de 90% de seus estudantes residindo na zona urbana de Beneditinos, trabalhou com os regimes remoto e híbrido em 2020 e viu a procura por matrícula aumentar em 2021. 

Uma gama de ferramentas tecnológicas a serviço da educação, como Canal Educação, Centro Piauiense de Mídias, Google Classroom, Google Meet, iSeduc, Whatsapp, impressão de material e principalmente a criatividade de professores e alunos têm feito a diferença no início do ano letivo de 2021, fazendo com que o estudante retorne à ala de aula e dê continuidade a seus estudos.

Um desses exemplos de criatividade é o professor de Artes da escola beneditinense, Antônio Filho. Em suas aulas, o professor produziu com seus estudantes um vídeo expositivo das atividades artísticas desenvolvidas por cada um em suas casas.

LEIA MAIS

Padrão
GERAL, SERGIPE

Educação de Sergipe disponibiliza lista aos municípios para garantir vacinação de servidores contra a covid-19

O secretário de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, enviou na última sexta-feira, 12, ao presidente da Federação dos Municípios do Estado de Sergipe (FAMES), Christiano Cavalcante, a lista de profissionais lotados nas escolas estaduais, a fim de que tome conhecimento e as devidas providências que considere pertinentes para garantir a vacinação contra a covid-19.

O secretário Josué Modesto colocou-se à disposição para disponibilizar a lista às prefeituras e secretarias municipais de Saúde. “É uma ação proativa da Seduc para colaborar com os municípios a organizar a lista de vacinação. Mandamos para os municípios a fim de que eles possam identificar quem são os professores e todas as equipes de apoio para ajudar no planejamento”, afirmou.

LEIA MAIS

Padrão
GERAL, PARANÁ

Educação do Paraná define cronograma da rede estadual para início do ano letivo de 2021

A Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (Seed-PR) informa que o início do ano letivo, no próximo dia 18, começa com um grande reforço escolar na rede estadual de ensino, revendo conteúdos prioritários de 2020. Essa reavaliação do aprendizado vai acontecer até o fim do mês por meio do Aula Paraná pela TV aberta, YouTube, aplicativo e Google Classroom, além das atividades impressas.

Neste mesmo período, entre 18 e 28 de fevereiro, as escolas vão abrir para toda a comunidade escolar, com um espaço de treinamento para profissionais da Educação e acolhimento aos pais, responsáveis e estudantes. O objetivo da ação é melhorar a compreensão da comunidade escolar acerca das medidas que serão adotadas dentro das instituições de ensino durante a pandemia.

Esse período de treinamento e acolhimento foi planejado para atender a demanda da comunidade escolar, que expressou o desejo de intensificar a capacitação dos professores e a orientação aos pais e alunos. 

LEIA MAIS

Padrão
GERAL, SANTA CATARINA

Escolas da rede estadual de Santa Catarina recebem EPIs para o retorno de atividades presenciais

As unidades escolares da rede estadual de Santa Catarina estão recebendo Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para o retorno seguro das atividades presenciais que começam dia 18 de fevereiro. Desde 2020, os investimentos feitos pela Secretaria de Estado da Educação (SED) passam de R$ 8 milhões em compras de equipamentos, entregas de 1 milhão de máscaras, 42 mil frascos de álcool em gel, 23 mil dispensers, 4 mil totens, 3,5 mil termômetros digitais infravermelhos e 14 mil protetores faciais.

As 42 mil unidades de frascos de álcool em gel já foram distribuídas para as escolas da rede. São 7 mil frascos de cinco litros de álcool 70% glicerinado em gel para higienização das mãos; 25 mil frascos de um litro de álcool 70% para desinfecção de materiais e superfícies; e 10 mil frascos de 500 ml de álcool 70% glicerinado para higienização das mãos com válvulas pump.

LEIA MAIS

Padrão
GERAL, PIAUÍ

Escolas do Piauí intensificam busca ativa e evitam evasão de alunos

Governos municipais e estaduais têm empreendido esforços para planejar e efetivar a continuidade das aulas durante a emergência de Covid-19 de diversas formas, seja utilizando as tecnologias da informação, seja imprimindo material para entrega a estudantes, entre outras estratégias. No Piauí, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) buscou parcerias e implantou o sistema de Busca Ativa, que visa garantir o direito à educação de cada cidadão em situação de calamidade pública e emergência, chegando de forma direta no aluno e sabendo qual sua dificuldade.

Hoje foi dia de busca ativa na cidade de Lagoinha Piauí. A equipe da Escola Moisaniel Alves, que oferta Educação de Jovens e Adultos (EJA) e Ensino Médio, uniu forças em um momento de grande valia para a escola, uma ação classificada pela diretora Jane Sobral como muito proveitosa.

LEIA MAIS

Padrão